segunda-feira, 6 de outubro de 2008

[era criança]

era criança
e sonhava

agarrou
o poema

e foi
com as aves

no dorso
do olhar
sem tempo

1 comentário:

Luis F disse...

Camarada

É sempre um prazer mergulhar nas tuas palavras...

Excelente...

Um abraço
Luis